“Lembranças da Vila” é o terceiro livro sul-mato-grossense de Mazé Torquato

No dia 30 de abril, a autora Mazé Torquato Chotil como parte da sua turnê realizou o lançamento do seu livro “Lembranças da Vila” na Câmara Municipal de Angélica. “Lembranças da Vila” da Editora Letra Livre, é o terceiro livro da série “sul-mato-grossenses” de Mazé Torquato Chotil, após “Lembranças do Sítio” e “Minha Aventura na Colonização do Oeste”. A obra abrange conjunto de histórias contadas por uma criança que descobre o vilarejo para onde foi morar a família, o novo paraíso da menina que em tempo de escola vai descobrir mundos como o espetáculo de circo, o homem da cobra, o doido, os contadores de história no espaço bar do comércio do pai. São histórias baseadas em fatos reais na região da Cand. Na composição da mesa da solenidade estiveram além da escritora, o prefeito de Angélica, Roberto Cavalcanti, o secretário de Educação, Nelson Dalponte e o diretor de Cultura, Sidnei de Oliveira. “ A leitura é um hábito muito importante para enriquecer nosso conhecimento”, afirmou o prefeito de Angélica. Uma das visões da prefeitura de Angélica é que nem sempre precisa de recursos para receber cultura e educação, e com certeza o atual prefeito vem trabalhando para que isso se torne rotina um momento de lazer e cultura na vida da população. Estiveram prestigiando o evento autoridades, secretários e diretores de associação do município e de Ivinhema.  Prefeitura de Angélica, um governo para todos!

 

A AUTORA

 

Mazé Torquato Chotil é brasileira, autora, jornalista, pesquisadora, doutora em ciências da informação e da comunicação pela Universidade de Paris VIII e pós-doutora pela EHESS. Nascida em Glória de Dourados quando o lugar fazia parte de Dourados, escreveu dois outros livros sobre a memória de sua região: “Lembranças do sítio” e “Minha aventura na colonização do Oeste”. Também é autora de dois outros livros em português: “Minha Paris Brasileira” e “Trabalhadores Exilados: a saga de brasileiros forçados a partir (1964-1985)”; e dois outros em francês: “L’Exil ouvrier” e “Ouvrières chez Bidermann : une histoire, des vies”.

Vive em Paris desde 1985, onde se casou com o poeta e compositor francês Bernard Chotil e é a apresentadora do Encontro literário do Instituto Alter’brasilis. Realizou, em 7 de dezembro de 2016, na Embaixada do Brasil, com a participação do poeta Henrique de Medeiros, “AutreBrésil: Mato Grosso do Sul”, com o objetivo de divulgar a cultura do nosso estado. Participa regularmente do Salão do livro de Paris.